foto user
FRANCISCO RALHA
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
História/CAPELA DO CALVÁRIO
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
História/CAPELA DO CALVÁRIO
voltar lista nav-leftnav-right

CAPELA DO CALVÁRIO

fotografias > 

História

2006-11-16 19:25:48
Ver no mapa
comentários (45) galardões descrição exif favorita de (19)
descrição
Também conhecida como Capela de Santa Maria Madalena ou igreja das pedras, é um pequeno edifício de arquitectura sui generis cuja localização originária se situava na Rua do Calvário, a sul da vila. O templete, considerado o ex-libris de Ferreira do Alentejo foi, em finais do século XIX, apeado e reconstruído no sítio onde hoje se ergue.
Trata-se de uma construção de planta cilíndrica e abóbada cupular, semi-esférica, sempre imaculadamente caiada por todo o cilindro. Na sua cobertura pululam dezenas de pedras, cravadas ao natural, que assinalam a versão bíblica do apedrejamento pelo povo hebreu ao Salvador, durante a via sacra e o caminho do calvário.
Segundo Leonel Borrela, na sua iconografia pacense terão existido no Distrito, quatro capelas (Ferreira do Alentejo, Beringel, Serpa e Beja) similares dedicadas ao tema, sendo que, a de Beja foi destruída por "pasme-se" acumular muito lixo em seu redor.

À data da edição desta foto no Olhares, já não é possível observá-la com este enquadramento, (obras de melhoramento da envolvente) .
exif / informação técnica
Maquina: Pakon, Inc�
Modelo: F235�

http://franciscoralha.blogspot.com/
favorita de 19
galardões
  • galardão visitas
    1000
    visitas
  • galardão popular
    foto
    popular
CAPELA DO CALVÁRIO
Também conhecida como Capela de Santa Maria Madalena ou igreja das pedras, é um pequeno edifício de arquitectura sui generis cuja localização originária se situava na Rua do Calvário, a sul da vila. O templete, considerado o ex-libris de Ferreira do Alentejo foi, em finais do século XIX, apeado e reconstruído no sítio onde hoje se ergue.
Trata-se de uma construção de planta cilíndrica e abóbada cupular, semi-esférica, sempre imaculadamente caiada por todo o cilindro. Na sua cobertura pululam dezenas de pedras, cravadas ao natural, que assinalam a versão bíblica do apedrejamento pelo povo hebreu ao Salvador, durante a via sacra e o caminho do calvário.
Segundo Leonel Borrela, na sua iconografia pacense terão existido no Distrito, quatro capelas (Ferreira do Alentejo, Beringel, Serpa e Beja) similares dedicadas ao tema, sendo que, a de Beja foi destruída por "pasme-se" acumular muito lixo em seu redor.

À data da edição desta foto no Olhares, já não é possível observá-la com este enquadramento, (obras de melhoramento da envolvente) .
comentários
galardões
  • galardão visitas
    1000
    visitas
  • galardão popular
    foto
    popular

Maquina: Pakon, Inc�
Modelo: F235�

http://franciscoralha.blogspot.com/

favorita de (19)