foto user
BRAGA
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Animais/Flamingo ao Auroral (Nascer do Sol)
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Animais/Flamingo ao Auroral (Nascer do Sol)
voltar lista nav-leftnav-right

Flamingo ao Auroral (Nascer do Sol)

fotografias > 

Animais

2016-01-22 01:21:20
comentários (36) galardões descrição exif favorita de (75)
descrição
Com os primeiros raios do Sol, a procura de alimentos não se faz esperar.

Apesar do flamingo ser sobretudo associado ao cor-de-rosa, a plumagem desta espécie é sobretudo esbranquiçada, ainda que com alguns tons rosados. Estes tons são particularmente intensos nas asas, sendo assim mais visíveis em voo. O bico é espesso e recurvado, sendo rosado na base e preto na ponta. Os juvenis são acastanhados, adquirindo o tom rosado muito mais tarde.

Abundância e calendário
No passado o flamingo era muito raro em Portugal, mas desde o final da década de 1980 a presença de grandes bandos de flamingos passou a ser habitual nas principais zonas húmidas portuguesas, não sendo raro observar concentrações de muitas centenas de indivíduos. Embora não nidifique no nosso país, pode ser observado ao longo de todo o ano. Os movimentos algo erráticos desta espécie não permitem classificá-la como residente nem como invernante.
(Inf. Aves de Portugal)
exif / informação técnica
Máquina: NIKON
Modelo: COOLPIX P900
Exposição: 1/1250 sec
Exposição (EV+/-): -0.3 step
Abertura: f/6.3
ISO: 100
Dist.Focal: 250mm
Dist.Focal (35mm): 1400 mm
Software: Capture NX-D 1.2.0 W

favorita de 75
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular
Flamingo ao Auroral (Nascer do Sol)
Com os primeiros raios do Sol, a procura de alimentos não se faz esperar.

Apesar do flamingo ser sobretudo associado ao cor-de-rosa, a plumagem desta espécie é sobretudo esbranquiçada, ainda que com alguns tons rosados. Estes tons são particularmente intensos nas asas, sendo assim mais visíveis em voo. O bico é espesso e recurvado, sendo rosado na base e preto na ponta. Os juvenis são acastanhados, adquirindo o tom rosado muito mais tarde.

Abundância e calendário
No passado o flamingo era muito raro em Portugal, mas desde o final da década de 1980 a presença de grandes bandos de flamingos passou a ser habitual nas principais zonas húmidas portuguesas, não sendo raro observar concentrações de muitas centenas de indivíduos. Embora não nidifique no nosso país, pode ser observado ao longo de todo o ano. Os movimentos algo erráticos desta espécie não permitem classificá-la como residente nem como invernante.
(Inf. Aves de Portugal)
comentários
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: NIKON
Modelo: COOLPIX P900
Exposição: 1/1250 sec
Exposição (EV+/-): -0.3 step
Abertura: f/6.3
ISO: 100
Dist.Focal: 250mm
Dist.Focal (35mm): 1400 mm
Software: Capture NX-D 1.2.0 W


favorita de (75)