foto user
helena costa
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Fotojornalismo/IMPORTANTE: LER
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Fotojornalismo/IMPORTANTE: LER
voltar lista nav-leftnav-right

IMPORTANTE: LER

fotografias > 

Fotojornalismo

2015-03-30 19:26:31
comentários (61) galardões descrição exif favorita de (63)
descrição
Homenagem ao Dtr Prf José Pinto da Costa

Possivelmente olharam para esta fotografia e riram, ou simplesmente pensaram “mas o que é isto? é natural…
Na impossibilidade de disponibilidade de horários do Drt Prf José Pinto da Costa, tentei fazer um trabalho, que nem de caricatura lhe poderei chamar, sei que fiz o possível e o meu melhor mesmo sendo péssima a minha artistice.
Houve um dia, há muitos anos, que tive o gosto conhecer este grande homem.
Tinha acabado de perder uma pessoa, que me era muito querida e andava em poço fundo, mas não deixei de sair e continuar as minhas jornadas, de exercício intelectual.
Soube de um congresso, em que o tema incidia no “coma, morte, quase morte”, em Serralves durante uma semana, em cada dia passava um filme, e no final a ideia, era a interação com o Dtr Prf José Pinto da Costa.
O curioso, é que quando os filmes acabavam, tudo ia para casa, como se tivessem ido ao cinema normalmente.
O Dtr, como é bastante inteligente, no penúltimo dia, sentou-se duas filas á minha frente…. Não lhe resisti, fui ter com ele, sentei-me com o espaço de uma cadeira, mesmo na ponta e toda virada para ele, perguntei-lhe.
-Dtr, o que o fascina tanto nos mortos?
Ele olhou para mim, olhos, nos olhos e disse:
-Estudo os mortos em prol dos vivos.
Depois despoletou uma grande conversa, sobre o esqueleto, parte relacionais com ossos, cumprimento, que é científico e que ajuda a medicina forense, ou criminalística a determinar e a descobrir e desvendar o necessário, é este um dos seus trabalhos.
Esta frase até hoje, ficou-me gravada na cabeça, deixou-me horas a pensar. Por exemplo que este homem é afinal muito diferente de qualquer outro, porque o normal é fazer pelas pessoas (se é que o fazem), em vida.
Todos se reúnem, em grandes festas, para obter fundos para a associação, X, P, T, O, todos aprumadinhos, cheirosos, com as melhores marcas que todos conhecemos de perfume e o seu melhor smoking e ali estão nos comes e bebes, rindo, estes convivas alegres.
Mas e o ambiente em que o Dtr Prf está a trabalhar é de todo deplorável, aromáticos, passaram de um aroma aceitável, para o podre, que a vida nos há-de oferecer, sem que se gaste 1 pau e a única etiqueta, que teremos que ter, é um número no dedo maior do pé, chamado Hálux.
Penso que poderia estar aqui horas a cansar-vos com a minha conversa, poderia ter copiado todas as páginas que existem na internet, que diz ser conhecido em todo mundo pelo trabalho desempenhado, ( eu diria empenhado) que sei que foi o primeiro Professor a dar aulas com slides, mas não é que pretendo, mas sim, que percebam, porque razão eu quero fazer esta homenagem singela e á minha escala a este grande Homem. ANTES QUE MORRA…
Helena Costa

exif / informação técnica
Máquina: Canon
Modelo: Canon PowerShot A2500
Exposição: 1/60 sec
Exposição (EV+/-): 0 step
Abertura: f/2.8
ISO: 1250
Dist.Focal: 5mm
Dist.Focal (35mm):
Software:

favorita de 63
galardões
  • galardão partilhas
    partilhas
  • galardão popular
    foto
    popular
IMPORTANTE: LER
Homenagem ao Dtr Prf José Pinto da Costa

Possivelmente olharam para esta fotografia e riram, ou simplesmente pensaram “mas o que é isto? é natural…
Na impossibilidade de disponibilidade de horários do Drt Prf José Pinto da Costa, tentei fazer um trabalho, que nem de caricatura lhe poderei chamar, sei que fiz o possível e o meu melhor mesmo sendo péssima a minha artistice.
Houve um dia, há muitos anos, que tive o gosto conhecer este grande homem.
Tinha acabado de perder uma pessoa, que me era muito querida e andava em poço fundo, mas não deixei de sair e continuar as minhas jornadas, de exercício intelectual.
Soube de um congresso, em que o tema incidia no “coma, morte, quase morte”, em Serralves durante uma semana, em cada dia passava um filme, e no final a ideia, era a interação com o Dtr Prf José Pinto da Costa.
O curioso, é que quando os filmes acabavam, tudo ia para casa, como se tivessem ido ao cinema normalmente.
O Dtr, como é bastante inteligente, no penúltimo dia, sentou-se duas filas á minha frente…. Não lhe resisti, fui ter com ele, sentei-me com o espaço de uma cadeira, mesmo na ponta e toda virada para ele, perguntei-lhe.
-Dtr, o que o fascina tanto nos mortos?
Ele olhou para mim, olhos, nos olhos e disse:
-Estudo os mortos em prol dos vivos.
Depois despoletou uma grande conversa, sobre o esqueleto, parte relacionais com ossos, cumprimento, que é científico e que ajuda a medicina forense, ou criminalística a determinar e a descobrir e desvendar o necessário, é este um dos seus trabalhos.
Esta frase até hoje, ficou-me gravada na cabeça, deixou-me horas a pensar. Por exemplo que este homem é afinal muito diferente de qualquer outro, porque o normal é fazer pelas pessoas (se é que o fazem), em vida.
Todos se reúnem, em grandes festas, para obter fundos para a associação, X, P, T, O, todos aprumadinhos, cheirosos, com as melhores marcas que todos conhecemos de perfume e o seu melhor smoking e ali estão nos comes e bebes, rindo, estes convivas alegres.
Mas e o ambiente em que o Dtr Prf está a trabalhar é de todo deplorável, aromáticos, passaram de um aroma aceitável, para o podre, que a vida nos há-de oferecer, sem que se gaste 1 pau e a única etiqueta, que teremos que ter, é um número no dedo maior do pé, chamado Hálux.
Penso que poderia estar aqui horas a cansar-vos com a minha conversa, poderia ter copiado todas as páginas que existem na internet, que diz ser conhecido em todo mundo pelo trabalho desempenhado, ( eu diria empenhado) que sei que foi o primeiro Professor a dar aulas com slides, mas não é que pretendo, mas sim, que percebam, porque razão eu quero fazer esta homenagem singela e á minha escala a este grande Homem. ANTES QUE MORRA…
Helena Costa

Tag’s: HOMENAGEM,AO,DRT,PRF,PINTO,DA,COSTA
comentários
galardões
  • galardão partilhas
    partilhas
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: Canon
Modelo: Canon PowerShot A2500
Exposição: 1/60 sec
Exposição (EV+/-): 0 step
Abertura: f/2.8
ISO: 1250
Dist.Focal: 5mm
Dist.Focal (35mm):
Software:


favorita de (63)