foto user
paulo augusto patoleia
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Paisagem Urbana/Mós do Douro
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Paisagem Urbana/Mós do Douro
voltar lista nav-leftnav-right
descrição
Subindo em direcção de Stº Amaro, onde se pode avistar uma panorâmica impar, com o Douro a contorcer-se lá no fundo entre gargantas apertadas.
Esta capela de Nossa Senhora da Graça foi restaurada e transformada em1793 em Igreja Matriz, como se deduz pela inscrição latina sobre a porta principal. Conservaram-se os muros antigos, acrescentou-se o coro, ampliou-se o tecto, e o campanário transformou-se em torre para a colocação do relógio que, com o uso, decorrer do tempo e incapacidade foi retirado.
No interior a figura de S. Pedro pintada a óleo no centro da cave, aparece-nos em primeiro plano e domina-nos profundamente com o seu olhar majestoso. Ao lado da pintura, destaca-se uma legenda em latim, que confere plenos poderes a S. Pedro como chefe da igreja católica.
No altar-mor, a talha dourada apresenta-se com tonalidades diferentes, embora a essência e os motivos que a constituem sejam os mesmos. Esta apresenta um misto do sacro com o profano e deverá corresponder aos fins do século XVIII.
Na porta do sacrário, é evidente a figura do Cordeiro que, na simbologia cristã, representa a imolação de Cristo. Ao centro e no altar-mor, sobressaía a imagem de Nossa Senhora da Graça, que desde tempos remotos tem sido muito venerada em Portugal. Esta imagem foi retirada do seu respectivo lugar, desde que a capela se transformou em Igreja Matriz sob a protecção de S. Pedro.
MOSDODOURO.COM.SAPO.PT

exif / informação técnica
Maquina: Nokia�
Modelo: 6280�

www.paulopatoleia.com
favorita de 5
galardões
  • galardão visitas
    1000
    visitas
Mós do Douro
Subindo em direcção de Stº Amaro, onde se pode avistar uma panorâmica impar, com o Douro a contorcer-se lá no fundo entre gargantas apertadas.
Esta capela de Nossa Senhora da Graça foi restaurada e transformada em1793 em Igreja Matriz, como se deduz pela inscrição latina sobre a porta principal. Conservaram-se os muros antigos, acrescentou-se o coro, ampliou-se o tecto, e o campanário transformou-se em torre para a colocação do relógio que, com o uso, decorrer do tempo e incapacidade foi retirado.
No interior a figura de S. Pedro pintada a óleo no centro da cave, aparece-nos em primeiro plano e domina-nos profundamente com o seu olhar majestoso. Ao lado da pintura, destaca-se uma legenda em latim, que confere plenos poderes a S. Pedro como chefe da igreja católica.
No altar-mor, a talha dourada apresenta-se com tonalidades diferentes, embora a essência e os motivos que a constituem sejam os mesmos. Esta apresenta um misto do sacro com o profano e deverá corresponder aos fins do século XVIII.
Na porta do sacrário, é evidente a figura do Cordeiro que, na simbologia cristã, representa a imolação de Cristo. Ao centro e no altar-mor, sobressaía a imagem de Nossa Senhora da Graça, que desde tempos remotos tem sido muito venerada em Portugal. Esta imagem foi retirada do seu respectivo lugar, desde que a capela se transformou em Igreja Matriz sob a protecção de S. Pedro.
MOSDODOURO.COM.SAPO.PT

comentários
galardões
  • galardão visitas
    1000
    visitas

Maquina: Nokia�
Modelo: 6280�

www.paulopatoleia.com

favorita de (5)