foto user
Luiz Augusto A . Mesquita
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Abstrato/''Antropofagia prismática...''
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Abstrato/''Antropofagia prismática...''
voltar lista nav-leftnav-right

''Antropofagia prismática...''

fotografias > 

Abstrato

2012-09-17 16:12:57
comentários (42) galardões descrição exif favorita de (8)
descrição
(...)Há poesia
Na dor
Na flor
No beija-flor
No elevador.

Oswald de Andrade.
exif / informação técnica
Máquina: Canon
Modelo: Canon PowerShot SX30 IS
Exposição: 1/80
Abertura: f/8
ISO: 80
MeteringMode: Pattern
Flash: Não
Dist. Focal: 44.66 mm
Dist. Focal 35mm: 579.29 mm
Software: Adobe Photoshop CS5 (12.0x20100115 [20100115.m.998 2010/01/15:02:00:00 cutoff; m branch]) Windows

''O Manifesto Antropófago (ou Manifesto Antropofágico) foi um Manifesto Literário escrito por Oswald de Andrade, principal agitador cultural do início do Modernismo brasileiro, o qual fundamentou a Antropofagia. Lido em 1928 para seus amigos na casa de Mário de Andrade, foi publicado na Revista de Antropofagia, a qual Oswald ajudou a fundar com Raul Bopp e Antônio de Alcântara Machado.
Redigido em prosa poética à moda de Uma Estação no Inferno de Rimbaud, o Manifesto Antropófago possui um teor mais político que o anterior manifesto de Oswald, o da Poesia Pau-Brasil, que pregava a criação de uma poesia brasileira de exportação. Esteticamente, o segundo manifesto de Oswald, basicamente, reafirma os valores daquele, apregoando o uso de uma \"língua literária ''não-catequizada''...
Ideologicamente, se alinha ainda com aquele, porém busca uma maior explicitação da aproximação de suas idéias com as de Breton (e, portanto, Marx, Freud e Rosseau.
Mais bla´... blá...blá ... em qualquer enciclopédia virtual...
favorita de 8
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular
''Antropofagia prismática...''
(...)Há poesia
Na dor
Na flor
No beija-flor
No elevador.

Oswald de Andrade.
comentários
Máquina: Canon
Modelo: Canon PowerShot SX30 IS
Exposição: 1/80
Abertura: f/8
ISO: 80
MeteringMode: Pattern
Flash: Não
Dist. Focal: 44.66 mm
Dist. Focal 35mm: 579.29 mm
Software: Adobe Photoshop CS5 (12.0x20100115 [20100115.m.998 2010/01/15:02:00:00 cutoff; m branch]) Windows

''O Manifesto Antropófago (ou Manifesto Antropofágico) foi um Manifesto Literário escrito por Oswald de Andrade, principal agitador cultural do início do Modernismo brasileiro, o qual fundamentou a Antropofagia. Lido em 1928 para seus amigos na casa de Mário de Andrade, foi publicado na Revista de Antropofagia, a qual Oswald ajudou a fundar com Raul Bopp e Antônio de Alcântara Machado.
Redigido em prosa poética à moda de Uma Estação no Inferno de Rimbaud, o Manifesto Antropófago possui um teor mais político que o anterior manifesto de Oswald, o da Poesia Pau-Brasil, que pregava a criação de uma poesia brasileira de exportação. Esteticamente, o segundo manifesto de Oswald, basicamente, reafirma os valores daquele, apregoando o uso de uma \"língua literária ''não-catequizada''...
Ideologicamente, se alinha ainda com aquele, porém busca uma maior explicitação da aproximação de suas idéias com as de Breton (e, portanto, Marx, Freud e Rosseau.
Mais bla´... blá...blá ... em qualquer enciclopédia virtual...