foto user
José Godinho
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Gentes e Locais/Ermida Cabo Espichel
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Gentes e Locais/Ermida Cabo Espichel
voltar lista nav-leftnav-right

Ermida Cabo Espichel

fotografias > 

Gentes e Locais

2019-01-23 09:14:57
comentários (133) galardões descrição exif favorita de (160)
descrição
A lenda da Ermida da Memória
É sabida a propensão dos cabos do mundo para inventarem milagres que lhes cubram o seu carácter sagrado e pagão com verniz cristão. O Cabo Espichel não é excepção, e, mais uma vez, aqui também há relatos de aparições de uma imagem da Virgem, tal como em muitos outros, sendo provavelmente o mais conhecido o da Nazaré, mas já aqui falámos de outros, como por exemplo o que acontece na península da Papôa em Peniche, a aparição de Senhora da Hora em Lagoa, ou a Senhora que alimenta um miúdo no Cabo da Roca.

Conta-se que pescadores vindos das praias da Caparica – mais tarde com nova versão adicionando outros de Alcabideche, alargando a influência aos saloios alfacinhas – avistaram uma imagem de Nossa Senhora sentada numa mula, e que esta trepou e a levou até ao cimo da falésia, onde ficou, edificando-se aí este pequeno monumento poucos metros a Oeste do santuário.

Serviu isto como pretexto a que aqui se fizessem círios (as peregrinações da Estremadura) vindos da margem norte e da margem sul do Tejo, embora seja praticamente certo que estes rituais já fossem antes feitos, com roupagens menos católicas.

O monumento da Ermida da Memória, esse, data do século XV e é de uma elegância leve e equilibrada, numa arquitectura que popularmente associamos à árabe, de planta quadrada e cúpula em curva e contra-curva, bem recortada no fundo atlântico que se põe a ocidente.

O interior contém azulejos com a história e todo o folclore em redor da Ermida.

Deslumbrante é tudo o que se passa em seu redor: a arrida que se afunda a pique no Atlântico, o mar sem fim a que a vista não consegue escapar, e todo o Santuário do Cabo Espichel harmoniosamente esculpido numa falésia de vento e pedra.
exif / informação técnica
Máquina: NIKON CORPORATION
Modelo: NIKON D800
Exposição: 1/10 sec
Exposição (EV+/-): 0 step
Abertura: f/25
ISO: 100
Dist.Focal: 32mm
Dist.Focal (35mm): 32 mm
Software: Adobe Photoshop CC (Windows)

favorita de 160
galardões
  • galardão comentários
    125
    comentários
  • galardão partilhas
    partilhas
  • galardão favorito
    100
    favoritos
  • galardão popular
    foto
    popular
Ermida Cabo Espichel
A lenda da Ermida da Memória
É sabida a propensão dos cabos do mundo para inventarem milagres que lhes cubram o seu carácter sagrado e pagão com verniz cristão. O Cabo Espichel não é excepção, e, mais uma vez, aqui também há relatos de aparições de uma imagem da Virgem, tal como em muitos outros, sendo provavelmente o mais conhecido o da Nazaré, mas já aqui falámos de outros, como por exemplo o que acontece na península da Papôa em Peniche, a aparição de Senhora da Hora em Lagoa, ou a Senhora que alimenta um miúdo no Cabo da Roca.

Conta-se que pescadores vindos das praias da Caparica – mais tarde com nova versão adicionando outros de Alcabideche, alargando a influência aos saloios alfacinhas – avistaram uma imagem de Nossa Senhora sentada numa mula, e que esta trepou e a levou até ao cimo da falésia, onde ficou, edificando-se aí este pequeno monumento poucos metros a Oeste do santuário.

Serviu isto como pretexto a que aqui se fizessem círios (as peregrinações da Estremadura) vindos da margem norte e da margem sul do Tejo, embora seja praticamente certo que estes rituais já fossem antes feitos, com roupagens menos católicas.

O monumento da Ermida da Memória, esse, data do século XV e é de uma elegância leve e equilibrada, numa arquitectura que popularmente associamos à árabe, de planta quadrada e cúpula em curva e contra-curva, bem recortada no fundo atlântico que se põe a ocidente.

O interior contém azulejos com a história e todo o folclore em redor da Ermida.

Deslumbrante é tudo o que se passa em seu redor: a arrida que se afunda a pique no Atlântico, o mar sem fim a que a vista não consegue escapar, e todo o Santuário do Cabo Espichel harmoniosamente esculpido numa falésia de vento e pedra.
Tag’s: paisagem,pds,Europa,Portugal,cabo Espichel
comentários
galardões
  • galardão comentários
    125
    comentários
  • galardão partilhas
    partilhas
  • galardão favorito
    100
    favoritos
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: NIKON CORPORATION
Modelo: NIKON D800
Exposição: 1/10 sec
Exposição (EV+/-): 0 step
Abertura: f/25
ISO: 100
Dist.Focal: 32mm
Dist.Focal (35mm): 32 mm
Software: Adobe Photoshop CC (Windows)


favorita de (160)