foto user
Maria Catunto
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Outros/....Marcas do passado 3...O Forno
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Outros/....Marcas do passado 3...O Forno
voltar lista nav-leftnav-right

....Marcas do passado 3...O Forno

fotografias > 

Outros

2007-03-30 02:21:16
comentários (38) galardões descrição exif favorita de (12)
descrição
A Vida É Um Forno

A vida é um forno
Onde se coze o pão
Padeiro é o fôlego
Fermento o coração

Amassado com gosto
Com esforço e paixão
--Cada broa é um consôlo
Promessa, missão

O espírito é a massa
A côdea é o corpo
Conforme a chama
Sai duro ou sai fôfo

Conforme o ardor
Sai anjo ou diabo
Fresco e bom p'lo amor
P'lo vício queimado
exif / informação técnica
Maquina: FUJIFILM�
Modelo: FinePix S5600 �
Exposição: 1/45 sec
Abertura: f 3.2
ISO: 400
MeteringMode: Multi-Segment
Flash: Flash, Auto-Mode
Dist.Focal: 6.3 mm

Padeira, Padeira
De rosto abrasado
Olhai a braseira
tomais de nós cuidado

Este aqui já se abre
A brasa o queima
Padeira, comadre
Vem ao forno, espreita

Traz p'ra cá a pá
Padeira depressa
Que na hora está
Do pão ir p'ra mesa

Lavrador, lavrador
Prepara-me o vinho
Que seja do melhor
Que seja do mais fino

Sobre esta minha mesa
Coloca a toalha
Sobre ela a candeia
De luz e de graça

Fresquinho o pão
Mais uns bolos de massa
Depois da procissão
Sabe bem vir p'ra casa
Silvério Gabriel de Melo. Vogelbach, Alemanha
favorita de 12
galardões
Esta foto não tem galardões
....Marcas do passado 3...O Forno
A Vida É Um Forno

A vida é um forno
Onde se coze o pão
Padeiro é o fôlego
Fermento o coração

Amassado com gosto
Com esforço e paixão
--Cada broa é um consôlo
Promessa, missão

O espírito é a massa
A côdea é o corpo
Conforme a chama
Sai duro ou sai fôfo

Conforme o ardor
Sai anjo ou diabo
Fresco e bom p'lo amor
P'lo vício queimado
comentários
galardões
Esta foto não tem galardões

Maquina: FUJIFILM�
Modelo: FinePix S5600 �
Exposição: 1/45 sec
Abertura: f 3.2
ISO: 400
MeteringMode: Multi-Segment
Flash: Flash, Auto-Mode
Dist.Focal: 6.3 mm

Padeira, Padeira
De rosto abrasado
Olhai a braseira
tomais de nós cuidado

Este aqui já se abre
A brasa o queima
Padeira, comadre
Vem ao forno, espreita

Traz p'ra cá a pá
Padeira depressa
Que na hora está
Do pão ir p'ra mesa

Lavrador, lavrador
Prepara-me o vinho
Que seja do melhor
Que seja do mais fino

Sobre esta minha mesa
Coloca a toalha
Sobre ela a candeia
De luz e de graça

Fresquinho o pão
Mais uns bolos de massa
Depois da procissão
Sabe bem vir p'ra casa
Silvério Gabriel de Melo. Vogelbach, Alemanha

favorita de (12)