foto user
Antonio Ramos
nav-left nav-right
menu-mobile
Olhares
menu-mobile-right
Carregar
Paisagem Natural/Serra da Estrela   (Abra a imagem p.f.)
fullscreen voltar lista nav-leftnav-right
Paisagem Natural/Serra da Estrela   (Abra a imagem p.f.)
voltar lista nav-leftnav-right

Serra da Estrela (Abra a imagem p.f.)

fotografias > 

Paisagem Natural

2019-09-05 11:16:50
Ver no mapa
comentários (77) galardões descrição exif favorita de (80)
descrição
A Serra da Estrela, situada na região do Centro (Região das Beiras), designa a cadeia montanhosa onde se encontram as maiores altitudes de Portugal Continental. O seu ponto mais elevado, com 1993 metros de altitude e denominado Torre, torna-a na segunda montanha mais alta de Portugal (apenas a Montanha do Pico, nos Açores, a supera em 358 metros). Faz parte da mais vasta cordilheira denominada Sistema Central, no subsistema designado como sistema montanhoso Montejunto-Estrela, que se desenvolve no sentido sudoeste-nordeste desde a serra de Montejunto, e o seu cume-pai é o Pico de Almançor. A serra da Estrela é uma zona de paisagem integrada no Parque Natural da Serra da Estrela, que após a sua constituição em 16 de Julho de 1976 se instituiu como a maior área protegida em solo português.
Além da neve, da fauna e flora extraordinárias, o viajante é também atraído pela orografia de proporções colossais ( vd. p.e. Cântaro Magro) bem como pela riqueza humana, cultural, histórica e gastronómica da região.
A Serra é também rica do ponto de vista hidrológico, deste maciço escorrem numerosas linhas de água. Três rios nascem na Serra da Estrela: o Rio Mondego; o Rio Zêzere;- que 200 Km. a jusante é tributário do Rio Tejo- e o Rio Alva; - que tributa ao Rio Mondego, nascidos da mesma Serra - . Beneficiam as três maiores bacias hidrográficas do país: Douro, Mondego e Tejo - e sem que se apercebam, todos os dias, os habitantes de Lisboa, Porto e Coimbra usufruem e dependem da água proveniente da Serra da Estrela.
A Serra da Estrela situa-se maioritariamente no Distrito da Guarda com 85% da área (74 529,3 ha), tendo também uma pequena área no Distrito de Castelo Branco com 15% (13 762,4 ha). Esta é uma divisão elaborada com base na área protegida de onde estão excluídas as áreas urbanas. Se atentarmos apenas à orografia da serra a área em Castelo Branco será um pouco menor.
A Serra da Estrela insere-se em seis municípios: Guarda, Manteigas, Gouveia, Seia, Celorico da Beira e Covilhã, todos situados no distrito da Guarda exceto o último referido, que pertence ao distrito de Castelo Branco. Toda a região - e os seus municípios - possuem uma beleza natural e paisagística, com grande interesse turístico, antropológico e histórico.
A Serra da Estrela atinge a sua cota de máxima altitude - 1993 m - junto da Torre. Este ponto é limite de quatro freguesias: São Pedro (Manteigas), Loriga (Seia), Alvoco da Serra (Seia) e Unhais da Serra (Covilhã). Por esta razão, o ponto mais alto de Portugal Continental é partilhado pelos três municípios aos quais estas freguesias pertencem: Manteigas, Seia e Covilhã.
A altitude ortométrica correta da Serra da Estrela, neste ponto e arredondada ao metro, encontra-se com o valor de 1993 metros conforme rectificações introduzidas por medições realizadas pelo Instituto Geográfico do Exército, já surgidas em folha à escala 1:25 000 que editou em 1993 (folha n.º 223). Assim, a altitude correntemente aceite de 1991 m, ainda muito divulgada, deve ser abandonada. Para completar os 2000 m foi construída uma torre de 9 m.
exif / informação técnica
Máquina: samsung
Modelo: SM-A750FN
Exposição: 1/1181 sec
Exposição (EV+/-): 0 step
Abertura: f/2.4
ISO: 40
Dist.Focal: 1.87mm
Dist.Focal (35mm): 18 mm
Software: A750FNXXU1BSG1

favorita de 80
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular
Serra da Estrela (Abra a imagem p.f.)
A Serra da Estrela, situada na região do Centro (Região das Beiras), designa a cadeia montanhosa onde se encontram as maiores altitudes de Portugal Continental. O seu ponto mais elevado, com 1993 metros de altitude e denominado Torre, torna-a na segunda montanha mais alta de Portugal (apenas a Montanha do Pico, nos Açores, a supera em 358 metros). Faz parte da mais vasta cordilheira denominada Sistema Central, no subsistema designado como sistema montanhoso Montejunto-Estrela, que se desenvolve no sentido sudoeste-nordeste desde a serra de Montejunto, e o seu cume-pai é o Pico de Almançor. A serra da Estrela é uma zona de paisagem integrada no Parque Natural da Serra da Estrela, que após a sua constituição em 16 de Julho de 1976 se instituiu como a maior área protegida em solo português.
Além da neve, da fauna e flora extraordinárias, o viajante é também atraído pela orografia de proporções colossais ( vd. p.e. Cântaro Magro) bem como pela riqueza humana, cultural, histórica e gastronómica da região.
A Serra é também rica do ponto de vista hidrológico, deste maciço escorrem numerosas linhas de água. Três rios nascem na Serra da Estrela: o Rio Mondego; o Rio Zêzere;- que 200 Km. a jusante é tributário do Rio Tejo- e o Rio Alva; - que tributa ao Rio Mondego, nascidos da mesma Serra - . Beneficiam as três maiores bacias hidrográficas do país: Douro, Mondego e Tejo - e sem que se apercebam, todos os dias, os habitantes de Lisboa, Porto e Coimbra usufruem e dependem da água proveniente da Serra da Estrela.
A Serra da Estrela situa-se maioritariamente no Distrito da Guarda com 85% da área (74 529,3 ha), tendo também uma pequena área no Distrito de Castelo Branco com 15% (13 762,4 ha). Esta é uma divisão elaborada com base na área protegida de onde estão excluídas as áreas urbanas. Se atentarmos apenas à orografia da serra a área em Castelo Branco será um pouco menor.
A Serra da Estrela insere-se em seis municípios: Guarda, Manteigas, Gouveia, Seia, Celorico da Beira e Covilhã, todos situados no distrito da Guarda exceto o último referido, que pertence ao distrito de Castelo Branco. Toda a região - e os seus municípios - possuem uma beleza natural e paisagística, com grande interesse turístico, antropológico e histórico.
A Serra da Estrela atinge a sua cota de máxima altitude - 1993 m - junto da Torre. Este ponto é limite de quatro freguesias: São Pedro (Manteigas), Loriga (Seia), Alvoco da Serra (Seia) e Unhais da Serra (Covilhã). Por esta razão, o ponto mais alto de Portugal Continental é partilhado pelos três municípios aos quais estas freguesias pertencem: Manteigas, Seia e Covilhã.
A altitude ortométrica correta da Serra da Estrela, neste ponto e arredondada ao metro, encontra-se com o valor de 1993 metros conforme rectificações introduzidas por medições realizadas pelo Instituto Geográfico do Exército, já surgidas em folha à escala 1:25 000 que editou em 1993 (folha n.º 223). Assim, a altitude correntemente aceite de 1991 m, ainda muito divulgada, deve ser abandonada. Para completar os 2000 m foi construída uma torre de 9 m.
Tag’s: Seia,Gouveia,Manteigas,Covilhã,Guarda
comentários
galardões
  • galardão popular
    foto
    popular

Máquina: samsung
Modelo: SM-A750FN
Exposição: 1/1181 sec
Exposição (EV+/-): 0 step
Abertura: f/2.4
ISO: 40
Dist.Focal: 1.87mm
Dist.Focal (35mm): 18 mm
Software: A750FNXXU1BSG1


favorita de (80)